Início » Crise e ruptura » 5 curiosidades sobre a infidelidade feminina

5 curiosidades sobre a infidelidade feminina

infidelidade feminina

Os motivos de traição feminina podem ser bastante diversos. Cada mulher pode ter a sua própria história e seus próprios motivadores.

Afinal, embora ainda exista muito tabu com relação às mulheres traírem ou não, sabemos que, hoje, elas podem ser tão infiéis quanto os homens.

Mas, da mesma maneira, a traição feminina pode se envolver com outros fatores – diferente do que acontece com os homens.

E para sanar a sua curiosidade sobre o assunto, fizemos este conteúdo sobre motivos e fatores que influenciam na traição feminina. Acompanhe!

5 curiosidades sobre traição feminina

Não existe como saber por que a mulher trai se, de fato, não a conhecemos a fundo. Ou seja, não podemos generalizar os motivos pelos quais as mulheres buscam uma relação extraconjugal.

Em contrapartida, as estatísticas podem nos dar mais pistas sobre esses motivadores, além de nos ajudar a entender um pouco mais sobre o universo feminino.

Por isso, elencamos os 5 fatores abaixo. Confira:

1. As mulheres são mais propensas a trair a partir dos 37 anos

Segundo pesquisas, conforme os 40 anos vão se aproximando as mulheres casadas começam a entrar na crise da idade.

Nessa fase da vida, o corpo feminino recebe uma nova descarga e rejuvenescimento hormonal. É por essa razão que a probabilidade de que elas queiram encontros sexuais com outros parceiros seja muito maior.

Nesse período as mulheres se sentem muito mais seguras e experientes.

Entre os 40 e 50 anos as pessoas costumam fazer um balanço de suas vidas e percebem que existem situações no relacionamento que não mudarão e que é preciso satisfazer desejos pendentes. A infidelidade acaba sendo um caminho.

2. Elas querem especialmente o sexo oral

5 curiosidades sobre mulheres que traem motivo 2
O sexo oral é um dos grandes motivos da traição feminina

Uma das práticas mais utilizadas para sair da monotonia na cama. Entretanto, acredite, ainda existem muitas pessoas que rejeitam o sexo oral e o consideram algo sujo.

O que leva à traição feminina em busca de serem satisfeitas nessa prática, já que seus parceiros se recusam ou não fazem com tanta frequência como elas gostariam.

Segundo pesquisas, 72% das mulheres afirmam que o sexo oral deveria ser praticamente uma obrigação entre quatro paredes.

O curioso é que quando as pessoas se apaixonam, o desejo de provar e sentir o gosto do outro é cada vez maior.

E o sexo oral é a melhor forma de concretizar essa vontade. Além disso, a prática é sinal de desejo e admiração.

Porém, segundo pesquisas, para 91% das mulheres e 87% dos homens as probabilidades de satisfazer o outro com essa prática é bem maior quando existe envolvimento emocional.

3. As casadas que traem querem momentos de intimidade

por que a mulher trai

Que as mulheres traem por sexo e orgasmos, já sabemos. Afinal, aquela história de que elas traem apenas quando estão infelizes ou precisam de apoio emocional já não é de todo certa.

Mas, existe uma grande diferença entre a infidelidade feminina e masculina na hora do sexo.

Enquanto os homens são mais automáticos e objetivos, as mulheres não. A maioria delas deseja além de uma boa noite de sexo, curtir momentos de intimidade.

Preliminares caprichadas, beijos, carícias e abraços devem fazer parte da sedução. A maioria dos maridos falha nesse ponto e fazem com que suas mulheres queiram viver esses momentos com outro.

4. A traição feminina é mais frequente na ovulação

5 curiosidades sobre mulheres que traem motivo 4
As mulheres são mais infieis quando estão no período fértil

Segundo estudos, por uma questão de instinto de reprodução, as mulheres são mais propensas a enganar seus maridos quando podem ficar grávidas facilmente.

Talvez isso explique porque no ocidente um pai biológico de cada 12 crianças não corresponde com o oficial.

Isso acontece porque o nosso código genético não entende de formalidade e compromissos, mas sim em propagar a espécie.

Por isso, durante o período fértil as mulheres se sentem mais sexys e com um apetite sexual mais forte. E quando a vida sexual no matrimônio não é boa o suficiente, a infidelidade feminina tem ainda mais chances de acontecer durante a ovulação.

5. Uma em cada 5 mulheres trai no primeiro ano de casamento

Às vezes, a transição da vida de solteira para a vida de casada pode ser conturbada. Segundo estudos do site de relacionamento Meetic, 18% das mulheres recém-casadas têm uma aventura extraconjugal no primeiro ano de matrimônio.

Outra curiosidade sobre em que momento a traição feminina acontece é que depois de uma pesquisa do site para infiéis Victoria Milan na América do Sul, descobriu-se que, além disso, as mulheres traem seus maridos com mais frequência depois de 7,4 anos de casados.

Razões da infidelidade feminina

  1. Busca por novidade e emoção: Algumas mulheres podem se sentir entediadas ou insatisfeitas em seus relacionamentos e procurar em outros lugares a emoção e a novidade que estão faltando em seu relacionamento atual.
  2. Falta de amor próprio: Mulheres com baixa autoestima ou baixa autoimagem podem ser mais propensas a buscar atenção e afeto de outros, mesmo que isso signifique trair seus parceiros.
  3. Insatisfação sexual: Algumas mulheres podem se sentir insatisfeitas com a vida sexual em seus relacionamentos e buscar satisfação em outros lugares.
  4. Relacionamento abusivo ou negligente: Mulheres em relacionamentos abusivos ou negligentes podem sentir que não há outra maneira de escapar ou obter atenção e afeto, o que as leva a procurar em outros lugares.
  5. Falta de conexão emocional: Algumas mulheres podem sentir que não estão conectadas emocionalmente com seus parceiros e buscarem conexões íntimas com outras pessoas.
  6. Desejo de se sentir desejada: Algumas mulheres podem se sentir pouco valorizadas ou desejadas em seus relacionamentos e procurar atenção e aprovação de outros.
  7. Falta de recursos financeiros: Em alguns casos, mulheres podem se sentir presas em relacionamentos financeiramente dependentes e procurar outros para obter recursos financeiros ou estabilidade.

Estes são apenas alguns dos motivos que podem levar as mulheres a serem infiéis, mas é importante destacar que cada situação é única e pode haver uma combinação de fatores envolvidos.

Além disso, a infidelidade pode ser um sinal de problemas mais profundos em um relacionamento e é importante tratá-la com cuidado e compaixão.

A infidelidade feminina segundo a ciência

A infidelidade feminina é um comportamento que tem sido estudado por psicólogos e pesquisadores por muitos anos. Segundo a ciência, existem várias razões pelas quais as mulheres podem se tornar infiéis em um relacionamento.

Algumas dessas razões incluem insatisfação emocional, necessidade de aventura ou mudança, baixa autoestima, falta de atenção e afeto do parceiro, entre outras.

Uma das razões mais comuns para a infidelidade feminina é a insatisfação emocional. As mulheres podem se sentir ignoradas, desconsideradas ou infelizes em seu relacionamento atual, o que as leva a procurar atenção e afeição em outro lugar.

Algumas mulheres também podem se sentir presas em um relacionamento monótono ou sem sentido, o que as leva a procurar novas emoções e aventuras fora do relacionamento.

Outra razão comum para a infidelidade feminina é a falta de atenção e afeto do parceiro. As mulheres podem se sentir desconsideradas ou ignoradas por seu parceiro, o que pode levar a uma busca por atenção e afeto em outro lugar.

Outras podem se sentir subestimadas ou inseguras em seu relacionamento, o que pode levar a procurar atenção e validação em outro lugar.

Em geral, as razões para a infidelidade feminina são complexas e variam de pessoa para pessoa. No entanto, é importante lembrar que a infidelidade pode ter consequências graves e duradouras para o relacionamento e para a saúde emocional das pessoas envolvidas.

Por isso, é sempre importante trabalhar em questões emocionais e de relacionamento para prevenir a infidelidade e construir relacionamentos saudáveis e duradouros.